01/07/2022 16h33

Operação ‘Luz na Infância 9’ detém quatros homens em flagrante no Espírito Santo

A Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC), deflagrou, na manhã dessa quinta-feira (30), a Operação “Luz na Infância 9”. Durante a ação – que faz parte de uma mobilização nacional para combater crimes de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes na internet e foi articulada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria de Operações Integradas (Seopi) –, quatro homens foram detidos e diversos materiais foram apreendidos.

 Ao todo, foram cumpridos 163, no Brasil, na Argentina, na Costa Rica, no Equador, nos Estados Unidos, no Panamá e no Paraguai. A ação contou também com a colaboração da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, por meio da Homeland Security Investigations (HSI).


No Espírito Santo foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão domiciliar, sendo quatro alvos investigados, dois em Vila Velha, um em Vitória e outro em Colatina, no noroeste do Estado. Os quatro suspeitos foram detidos e encaminhados para a unidade policial.

Três homens de 43, 39 e 37 anos foram presos, sendo dois em Vila Velha e um em Vitória, após os peritos constatarem fotos e vídeos de conteúdo sexual armazenados nos computadores de uso pessoal deles. Já em Colatina, foram apreendidas na casa do suspeito de 37 anos, cinco munições de calibre .38.  

De acordo com o titular da DRCC, delegado Brenno Andrade, um dos indivíduos alegou que a sua esposa não o procurava mais em casa, fazendo com que tivesse apreciação por materiais pornográficos.

“O indivíduo que armazena esse tipo de material, a sua pena é baixa, de quatro anos, possibilitando a ele, que pague fiança e responda o crime em liberdade. Os pais devem ficar alerta com seus filhos, principalmente nos seus comportamentos e sempre estarem dialogando com elas, para que isso não aconteça”, alertou o delegado.

O perito criminal da Seção de Informática Forense, Bruno Campos, explicou que foram cumpridos simultaneamente quatro mandados de busca e apreensão domiciliar com o apoio da perícia médica. “Peritos foram a campo para localizar a constatação da existência de materiais compatíveis de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes.

Segundo o perito, em todos os casos os computadores foram recolhidos e encaminhados para o laboratório de comunicação forense, onde são realizadas análises mais complexas, sendo possível recuperar arquivos que foram apagados e identificar situações que o usuário fazia compartilhamento desses materiais.

Todos os suspeitos foram detidos em flagrante delito. Os indivíduos de 43, 39 e 37 irão responder por crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente, já o homem de 37 anos preso em Colatina, vai responder por posse ilegal de munição de usos permitido. Todos pagaram fiança para responder aos crimes em liberdade.

Balanço das Operações


Em suas oito edições anteriores, realizadas entre 2017 e 2021, a ‘Luz na Infância’ já cumpriu mais de 1.600 mandados de busca e apreensão e prendeu cerca de 760 suspeitos de praticarem crimes cibernéticos de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes em todo o Brasil e nos países participantes da ação.

Os resultados das operações anteriores foram os seguintes:

Luz na Infância 1: 20 de outubro de 2017. Foram cumpridos 157 mandados de busca e apreensão de computadores e arquivos digitais. Foram presas 108 pessoas.


Luz na Infância 2: 17 de maio de 2018. As Polícias Civis dos Estados cumpriram 579 mandados de busca, resultando na prisão de 251 pessoas.


Luz na Infância 3: 22 de novembro de 2018. Operação deflagrada no Brasil e na Argentina com o cumprimento de 110 mandados de busca, resultando na prisão de 46 pessoas.


Luz na Infância 4: 28 de março de 2019. Operação deflagrada em 26 estados e no Distrito Federal resultou no cumprimento de 266 mandados e 141 pessoas presas.


Luz na Infância 5: 04 de setembro de 2019. Operação deflagrada em 14 estados e do Distrito Federal, além dos Estados Unidos, Paraguai, Chile, Panamá, Equador e El Salvador. A ação resultou no cumprimento de 105 mandados e 51 pessoas presas.


Luz na Infância 6: 18 de fevereiro de 2020. Operação envolveu policiais civis de 12 estados, além dos Estados Unidos, Colômbia, Paraguai e Panamá. Foram cumpridos no Brasil e nos quatro países 112 mandados de busca e apreensão.


Luz na Infância 7: 06 de novembro de 2020. Operação envolveu policiais civis de 12 estados, além dos Estados Unidos, Argentina, Paraguai e Panamá. Foram cumpridos no Brasil e nos quatro países 136 mandados de busca e apreensão.


Luz na Infância 8: 09 de junho de 2021. Operação envolveu policiais civis de 18 estados, além dos Estados Unidos, Equador, Argentina, Paraguai e Panamá. Foram cumpridos no Brasil e nos quatro países 176 mandados de busca e apreensão.

 

Texto: Brenda Corti, estagiária da Seção de Imprensa e Comunicação Interna (Sicoi)

 

Assessoria de Comunicação Polícia Civil

Comunicação Interna – (27) 3137-9024

imprensa.pc@pc.es.gov.br

 

Informações à Imprensa:

Matheus Zardini / Olga Samara  

(27) 3636-1574 / (27) 99297-8693 / (27) 3636-1536 / (27) 99846-1111

comunicapces@gmail.com

 

 

Tópicos:
DRCC
2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard