13/10/2021 14h47 - Atualizado em 13/10/2021 17h53

Polícia Civil de Linhares procura por mais um suspeito de assassinato de mulher no bairro Interlagos

A Polícia Civil (PCES), por meio da Delegacia Regional (DR) de Linhares, está à procura de mais um suspeito de envolvimento na morte de Mayara dos Santos, de 30 anos, morta no dia 19 de setembro, no bairro Interlagos, em Linhares. O investigado, de 28 anos, tem mandado de prisão preventiva em aberto e é considerado foragido.

Segundo as investigações, o suspeito tem estreito relacionamento com a prática criminosa, figurando como suspeito em vários outros inquéritos. No caso da morte de Mayara dos Santos, ele teria fornecido o veículo usado pelos criminosos que executaram o crime. 

“Verificamos que ele locava veículos em seu nome e esses veículos eram adulterados para que outros criminosos pudessem usá-los e cometer crimes. Depois que os veículos eram usados para a prática de crimes, as adulterações eram retiradas e os veículos eram devolvidos para a locadora”, explicou o titular da Delegacia Regional de Linhares, delegado Fabrício Lucindo.

Outros crimes


Além de responder pelo homicídio de Mayara dos Santos, o indivíduo figura como suspeito em outros crimes cometidos em Linhares. Um dos crimes atribuídos ao investigado é o furto de 30 aparelhos de ar condicionados, subtraídos da sede do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), em Linhares, no dia 17 de janeiro.  

“Nossas investigações indicam que ele participou ativamente do furto de objetos e bens do Incaper, em Linhares. Nosso inquérito comprovou que o elemento, que era proprietário de uma empresa de refrigeração, comprou e revendeu diversos aparelhos de ar condicionado provenientes desse crime. Nós conseguimos recuperar os 30 aparelhos”, relatou Lucindo.

Este mesmo homem também já foi indiciado por posse ilegal de arma de fogo, em um Inquérito que investigou a aquisição de armas para traficantes. Segundo o levantamento, o elemento comprou quatro armas legais, no próprio nome, e revendeu para criminosos.

A Polícia Civil está em busca do suspeito e a população pode contribuir com informações, de forma anônima, por meio do Disque-Denúncia 181, ou pelo site disquedenuncia181.es.gov.br. O anonimato é garantido e todas as informações fornecidas são investigadas.

Texto: Camila Ferreira


Assessoria de Comunicação Polícia Civil
Comunicação Interna - (27) 3137-9024
imprensa.pc@pc.es.gov.br

Atendimento à Imprensa:
Matheus Zardini/Camila Ferreira
(27) 3636-9928 / (27) 99297-8693 / (27)99231-5157
comunicapces@gmail.com   

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard