11/10/2019 17h00

Suspeitos beneficiados com a saída temporária são presos por policiais em operação conjunta

A equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Domingos Martins desencadeou uma operação na qual foram presos dois suspeitos por crimes de roubo praticados na Grande Vitória e na região Serrana do Espírito Santo. J.S.S., de 37 anos e A.V.N., de 29 foram encontrados na Rodovia 262, no município, nessa quinta-feira (10). Foram 24 horas de operação, ocorrida entre quinta-feira (10) e sexta-feira (11).

Participaram da operação, as Delegacias de Polícia de Domingos Martins, Marechal Floriano, Venda Nova do Imigrante e Guarapari, a Delegacia Especializada de Antissequestro (DAS), Núcleo de Repressão às Organizações Criminosas e à Corrupção (Nuroc), a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a Policia Militar (PM) e a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus). No total, 50 policiais participaram da ação.

“Os detidos receberam o benefício da saída temporária nessa quarta-feira (09). Há suspeitas de que os investigados tenham praticado outros crimes nesses dois dias que estão fora do presídio, além do envolvimento em outros delitos praticados no decorrer deste ano, na região Serrana e em outros municípios do Estado”, explicou o responsável pela operação, delegado Geraldo Peçanha.

O titular da DP explicou que, de acordo com as investigações, os suspeitos fazem parte de um grupo criminoso especializado na prática de roubo de veículo e residências. Eles agiam na Grande Vitória e na região Serrana, onde alguns deles residem. “Com os detidos foi apreendida uma arma de fogo calibre 38 e cinco munições do mesmo calibre, além de objetos roubados pelos suspeitos na Grande Vitória”, relatou o delegado.

Nessa quinta-feira (10), os policiais interviram e efetuaram a prisão dos investigados, impedindo que eles cometessem outros crimes. “Grande parte dos envolvidos no grupo criminoso são egressos do Sistema Prisional, onde cumprem, ou cumpriram pena pela prática de roubo à mão armada. É o caso do detido de 37 anos, que cumpre pena de 27 anos e meio de prisão, e foi beneficiado com a saidinha temporária após sete anos prisão”, disse Peçanha.

Geraldo Peçanha acrescentou que além do envolvimento de J.S.S. e A.V.N., há outros integrantes que participam do grupo. Por isso, as investigações continuam no sentido de identifica-los, realizar as suas prisões e identificar também pessoas que tenham sido vítimas da ação do grupo. Pessoas que porventura tenham sido vítimas da ação do grupo.

J.S.S. e A.V.N. foram autuados em flagrante por roubo, porte de arma de fogo com numeração raspada e associação criminosa. Após os procedimentos, eles foram conduzidos para o Centro de Triagem de Viana (CTV).

 

Assessoria de Comunicação Polícia Civil

Comunicação Interna - (27) 3137-9024

imprensa.pc@pc.es.gov.br

 

Atendimento à Imprensa

Olga Samara - (27) 3636-1536/ (27) 99846-1111

comunicapces@gmail.com

Camila Ferreira - (27) 3636-9928 / (27) 99297-8693

comunicapces@gmail.com

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard