08/04/2021 16h15 - Atualizado em 08/04/2021 16h20

Suspeitos de roubo e condenados e foragidos são detidos em Cachoeiro de Itapemirim

Três homens, de 23, 27 e 41 anos, foram detidos por policiais civis da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Cachoeiro de Itapemirim em duas operações, realizadas nessa terça-feira (06) e nessa quarta-feira (07), no bairro Zumbi, no município. Durante a ação foram apreendidos um revólver calibre 38, drogas, celulares e R$ 60,00 em dinheiro.

Segundo o titular da Deic de Cachoeiro de Itapemirim, delegado Rafael Amaral, as ações foram realizadas no decurso de investigações que apuraram crimes patrimoniais ocorridos a pessoa em via pública e, em especial, aos comércios com intuito de recuperar produtos e objetos de furtos.

Nessa quarta-feira (07), a equipe recebeu denúncias de intenso movimento de tráfico de entorpecentes em uma escadaria, que liga a rua Maria Dias à rua Renê Nogueira, no bairro Zumbi dos Palmares. Local conhecido por ser utilizado por dependentes químicos para trocar os objetos subtraídos por drogas.

“Com essas informações, a equipe montou uma campana no local. Foi verificado que um dos traficantes, de 23 anos,  é um criminoso foragido do sistema prisional pela prática do crime de tentativa de homicídio qualificado contra um policial militar, que ocorreu no dia 01 de setembro de 2017, no bairro Sumaré, nesta cidade”, contou Amaral.

“No dia do crime, o detido, em companhia de outro indivíduo, portando armas de fogo, roubaram um veículo corolla de cor prata, ocasião que a vítima conseguiu segui-los e acionou a Polícia Militar. Durante a perseguição, o detido de 23 anos colidiu com o veículo em um poste e atirou contra os militares, ocasião que acabou baleado e preso”, completou o delegado.

Durante as buscas, foram encontrados e apreendidos um  revólver calibre 38, com o tambor municiado com seis munições,  um "blister" contendo mais munições do mesmo calibre, seis celulares, 60 pedras de crack embaladas de forma pronta para venda e R$ 60 em espécie. 

“O conduzido também tem passagens na polícia por crimes relacionados à lei Maria da Penha, roubo majorado pelo uso de arma de fogo e por tráfico de entorpecentes, e estava evadido do sistema prisional, há cerca de quatro meses, sendo recapturado nesta data e apresentado ao delegado de plantão da 7ª Delegacia Regional, onde foi autuado pelos crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Ele foi transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cachoeiro de Itapemirim”, revelou o delegado. 

Já na manhã de terça-feira (06), policiais civis da 7ª Delegacia Regional de Cachoeiro de Itapemirim, montaram uma grande operação para prender um homem de 27 anos, suspeito de ser um dos maiores assaltantes a mão armada de Cachoeiro de Itapemirim. 

Segundo o responsável pelas investigações, delegado Rafael Amaral,  titular da Deic de Cachoeiro de Itapemirim, foram meses de investigações sobre os roubos praticados por uma pessoa com as mesmas características. 

“O método de assalto era sempre em dois suspeitos, usando motocicletas, eles realizavam abordagens a pessoas em via pública e em diversos comércios. A maioria dos roubos investigados teve como participação o detido e o seu comparsa, que foi morto no bairro Zumbi, em julho de 2019”, explicou Amaral.

O último roubo apurado pela equipe, com a participação do suspeito, ocorreu no bairro Paraíso, no dia 29 de dezembro do ano passado, “ocasião em que dois indivíduos, em uma motocicleta cor escura, modelo CG, abordaram uma pedestre, roubando sua bolsa com vários pertences, dinheiro e seu aparelho de celular. O aparelho de celular da vítima foi recuperado no Alto Eucalipto, bairro Zumbi, pela equipe da Deic”, contou o delegado.

Diante dessas informações, a autoridade policial representou pela prisão de um dos envolvidos, que foi preso nessa terça-feira (06), no bairro Zumbi, dentro de sua residência. A equipe cercou os três pontos de entradas dos becos, já o detido estava num local estratégico e já conseguiu fugir de ações policiais para prendê-lo.

Dando continuidade a operação policial, a equipe prendeu um suspeito de 41 anos, que foi condenado pelo crime de homicídio culposo na direção de veículo automotor.   

Os conduzidos de 27 e 41 anos foram apresentados ao plantão da 7ª Delegacia Regional e após foram transferidos para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cachoeiro de Itapemirim.

Texto: Olga Samara

 

 

Assessoria de Comunicação Polícia Civil

Comunicação Interna - (27) 3137-9024

imprensa.pc@pc.es.gov.br



 Atendimento à Imprensa

Olga Samara/ Camila Ferreira

(27) 3636-1536/ (27) 99846-1111/

(27) 3636-9928 / (27) 99297-8693

comunicapces@gmail.com

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard